Home / Geral / Cariri / ARNON BEZERRA NÃO TOPA TROCAR O MODELITO “FINA ESTAMPA” PELO DE ZÉ DO CAIXÃO”

ARNON BEZERRA NÃO TOPA TROCAR O MODELITO “FINA ESTAMPA” PELO DE ZÉ DO CAIXÃO”

Prefeito Arnon Bezerra, de Juazeiro do Norte

O prefeito de Juazeiro do Norte, mister Arnon Bezerra, jamais topará trocar a sua condição de “fina estampa” pela a do “Zé do Caixão”. “Vão para lá com este tipo de piada de mau gosto,” adverte o filho mais famosão de dona La Salete Cruz Bezerra de Menezes.

Ator Zé do Caixão

Todo este trololó advém de uma fake news plantada nas internets da vida por adversários anônimos, dando conta que o Arnon em questão, havia licitado a compra de inúmeras urnas funerárias para enterrar os incautos romeirinhos vitimados com o coronavírus. “Não sou ave de mau agouro e muito menos desejo imitar o famoso personagem global da Novela Bem Amado, o prefeito Odorico Paraguaçu que, no afã de inaugurar o novo cemitério por ele construído em sua cidade Sucupira, procurava desesperadamente por um cadáver para realizar o ato inaugural,” descartou ficcionalmente o danisco do Arnonzinho.

Prefeito Odorico Paraguaçu

Até porque, continua a celeuma o prefeitão de Juá de meus amores, “na ficção humorística global, o problema do Odorico é que, após a inauguração do cemitério, ninguém mais morreu em Sucupira. Desesperado com a situação o velho Odorico, tomou iniciativas macabras para concretizar sua promessa, provocando situações cômicas. No final, Odorico Paraguaçu foi assassinado por Zeca Diabo e inaugurou, finalmente, o cemitério, sendo que, de vilão, passou a mártir. E eu não estou de modo algum interessado a me passar por mártir nestes tempos indóceis de coronavírus,” desabafa indocilmente Arnon Bezerra.

O QUE ACONTECEU NA REALIDADE      

A Prefeitura de Juazeiro do Norte, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social e Trabalho (Sedest), esclarece que realiza anualmente processo de licitação para compras de urnas funerárias, no intuito de atender casos de óbitos de pessoas de baixa renda no Município. Logo, essa atividade é habitual e está totalmente de acordo com a Lei federal n° 8742/93 e lei Municipal 5033/2019, da política de Assistência Social, que garante dignidade e respeito à família diante da perda de um ente querido.

O Secretário da pasta municipal, Sandoval Barreto, informa portanto, que o acréscimo de 37 urnas (22 adultas e 15 infantis) na licitação de 2020, realizada em janeiro, com base no número de falecimentos de pessoas de baixa renda no ano de 2019 é coisa corriqueira em sua pasta.

Veja Também

100 MAIS INFLUENTES NO CARIRI: EMPRESÁRIA LOUISE FIGUEIREDO

PERFIL PROFISSIONAL-LOUISE ALINE ALMEIDA DE FIGUEIREDO: Nasceu em Juazeiro do Norte, formada em Fisioterapia pela ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *