Home / Geral / Baixo Astral / NEM A TRAGÉDIA DO CORNAVÍRUS FEZ OU FAZ O SENADO TRABALHAR

NEM A TRAGÉDIA DO CORNAVÍRUS FEZ OU FAZ O SENADO TRABALHAR

Por Cláudio Humberto

Os senadores não abrem mão de prerrogativas e nem muito menos dos R$210 mil que custam por mês, em média, mas, na hora de mostrar serviço, a porca torce o rabo. Optaram por não trabalhar, deixando de votar o auxílio de R$600 para brasileiros, em dramática situação de risco, na informalidade. Poderiam fingir interesse, fazendo votação virtual no sábado ou no domingo, mas nada. Se fosse para garantir mais regalias para suas excelências, teriam votado até de madrugada, como já ocorreu.

FOLGA É MAIS IMPORTANTE

A votação, que poderia ter sido sexta, remetida ao Planalto e publicada em edição extra do Diário Oficial, ficou para esta segunda-feira, à tarde.

VERGONHA

A liberação do dinheiro que pode, literalmente, salvar vidas, foi adiada por pelo menos quatro dias para manter a folga dos parlamentares.

ATRASO DE VIDA

O presidente interino do Senado, Antonio Anastasia (PSDB-MG), jogou a toalha na sexta, e marcou a votação – virtual – para hoje. Ver para crer.

ELE NÃO ABRIU MÃO

A eleição de Davi Alcolumbre como presidente ocorreu em sessão presencial, num sábado. Mas o povo pobre, por certo, pode esperar.

Veja Também

CARIRIEISSO(TERÇA/26/05): DIRETO DE BRASÍLIA O REPÓRTER GENÉSIO ARAÚJO JUNIOR

Vamos ouvir o comentário desta terça-feira, dia 26 de maio, do jornalista brasiliense Genésio Araújo ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *