Home / Geral / Cariri / CAMILO DEVE DECIDIR ESTA SEMANA, MEDIDAS AUSTERAS PARA CONTER GASTOS
Governador Camilo Santana

CAMILO DEVE DECIDIR ESTA SEMANA, MEDIDAS AUSTERAS PARA CONTER GASTOS

MUITA ATENÇÃO

Governador Camilo Santana

Os cearenses continuam atentos a todos os passos do governador Camilo Santana em relação ao seu novo mandato, recém adquirido nas urnas com uma votação de quase 80% do0 eleitorado.

Afinal, estamos num Estado onde os professores recebem salários incompatíveis com a sua importância, os militares a mesma coisa, os pensionistas do estado devem receber melhores tratamentos, afinal, deram o melhor de suas vidas pelo Ceará, as prefeituras sem os repasses desejáveis e por ai vai o sururu.

Os comerciantes, empresários e industriais querem que o máquina estadual continue organizada e ajudando com eficácia e determinação ao desenvolvimento do Ceará, mas nada de aumentar imposto que por aqui já está pela hora da morte.

Já os funcionários públicos estaduais não querem nem ouvir falar no congelamento de seus vencimentos por dois anos. Essa estória do governador pedir sacrifícios ao funcionalismo é a coisa mais sem sentido do mundo, pois que os mesmos já se encontram há muito tempo com a corda no pescoço, desabafam angustiados os barnabés.

O governador Camilo Santana na ótica do funcionalismo estadual deveria, isso sim, botar para correr da Assembleia Legislativa(num acordo com o novo presidente da Casa) milhares de apaniguados de deputados estaduais e federais,  de prefeitos interioranos, ex-governadores e outros que gozam de prestígio, conseguindo com isso uma economia substancial para os cofres estaduais. Dizem que se colocar todos esses ‘aspones’ em uma fila a danada vem bater no Cariri.

O número de secretarias estaduais no Ceará bate recorde em comparação a outros estados da federação. Tem que derrubar pela metade.  Tem que haver cortes em cargos de indicação política que são muitos e oneram o Estado. Acabar com a figura do sub-secretário, pois é outra dinheirama que o Ceará gasta sem necessidade. Dizem que criaram essa figura nos governos de Cid Gomes e Camilo Santana, devido terem que conviver com secretários indicados por diversos partidos da base aliada, dai a necessidade do governador ter em cada secretaria um sub-secretário que lhe sirva de olheiro.

Governador de Minas Gerais, empresário Romeu Zema.

Bom exemplo: fazer como o governador recém-eleito das Minas Gerais que teve 71,80% dos votos válidos (6.963.806 votos), empresário Romeu Zema (Novo),  54 anos:  Morar em residência própria e transformar o Palácio, residência oficial do governador em museu. O governador já ganha bem demais, pode muito bem pagar por sua própria morada.

O governador Camilo Santana deve decidir esta semana sobre os cortes de secretarias e também sobre o arrocho nos gastos do Estado. As propostas terão de passar ainda pela Assembleia Legislativa para ter início no dia dois de janeiro.

Já o grosso da população cearense espera que o governador em seu segundo mandato  se torne mais austero com os gastos públicos, agilize a criação de milhares de postos de trabalho, ofereça uma saúde de excelência para todos e a educação consiga avançar mais ainda em nosso Estado.

O secretário do Planejamento, Francisco Maia Júnior, elaborou um pacote de mudanças e diz que a sua posição é técnica, baseada em uma visão sobre o papel do Estado na sociedade.

Atenção cearenses! O governador Camilo Santana deve decidir esta semana sobre os cortes de secretarias e também sobre o arrocho nos gastos do Estado. As propostas terão de passar ainda pela Assembleia Legislativa para ter início no dia dois de janeiro. Olho vivo, portanto!

A decisão, entretanto, é do governador Camilo Santana, aclamado na última eleição com uma aprovação de quase 80% do eleitorado. Portanto, terá de mostrar resultados, sem aumentar impostos, e maximizando os resultados da arrecadação.

Veja Também

I FESTIVAL DE COMIDAS BAIANAS DO CARIRI FOI SUCESSO E ATRAIU GENTE QUE FAZ

BOM DEMAIS! Canta Gilberto Gil em sua música “Aquele Abraço” que “a Bahia já me ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *