Home / Geral / Alto astral / PROJETO BIBLIOTECA DIGITAL DE CEDRO É O VENCEDOR BRASILEIRO

PROJETO BIBLIOTECA DIGITAL DE CEDRO É O VENCEDOR BRASILEIRO

PRIMEIRO LUGAR

Biblioteca Municipal Cândido Acrísio da Costa

O Ministério da Cultura divulgou o resultado final do edital de Bibliotecas Digitais 2018. Foi no dia 04/10, e consta da página 15 do Diário Oficial da União (DOU). O município de Cedro ficou em 1º lugar na classificação geral. Dezenove bibliotecas públicas participantes do certame receberão R$ 100 mil cada para aplicar em projetos de uso de seus espaços de tecnologias de informação e comunicação no país. Ao todo, 86 inscrições.

O prefeito Dr. Nilson Diniz entende que a democratização do conhecimento e da informação na era digital faz parte do seu plano de governo, sendo necessário ocupar bibliotecas e espaços públicos como ferramentas essenciais para atrair a família ao encontro do saber. “Estamos vivenciando novos rumos na tecnologia e é importante a pontuação com nota máxima para que possamos avançar ainda mais”, ressalta.

O equipamento instalado na Biblioteca Municipal Cândido Acrísio da Costa, receberá rodas de leituras de livros digitais. Vinte turmas serão formadas para atender as comunidades leitoras das zonas rural e urbana, contando com agentes multiplicadores que garantirão a sustentabilidade do projeto e a sua cadeia de ações. O projeto terá ainda um “ônibus-biblioteca”, que circulará pelos bairros da cidade, preferencialmente nas localidades onde se registrem maiores carências de acervos.

Atividades envolvidas

Em parceria com o IFCE Campus Cedro e a Secretaria de Educação do Município, os programas envolverão leitura, práticas lúdico-pedagógicas e pesquisas eletrônicas. Uma parceria com a Escola Estadual de Educação Profissional Francisca de Albuquerque Moura vai garantir a concessão de alunos do curso de Redes de Computação para a ministração de oficinas na Biblioteca Digital. Outra parceria de interesse: em algumas entidades religiosas ocorrerão palestras de caráter ecumênico.

Para a secretária de Cultura Aparecida Evangelista, o projeto irá atender a população com ações de modernização e adequação da estrutura física da Biblioteca Municipal. “Nossa biblioteca, já bastante frequentada, terá condições de aumentar o número de visitas. Era um espaço que necessitava aparelhar-se da tecnologia para responder as demandas do cotidiano”, ressalta Aparecida.

Será necessária uma licença para acesso aos livros digitais, com a disponibilização de 10 tablets, dois escâneres, 10 almofadas em formato de centopeia para acomodação do público infantojuvenil, oito estantes, cinco mesas infantis com seis cadeiras cada, além de 10 pufes, 10 kits de Tatames, duas lousas digitais, um expositor em acrílico, dois carrinhos em aço.

A secretária de Educação Esmeraldina Bezerra comemora o fato de os estudantes das redes municipal, estadual e federal de ensino terem esse importante reforço na aprendizagem. “O momento é único em nosso município, já são muitas conquistas. A parceria, agora, é fundamental para que possamos vivenciar a comunicação em tempo real”, salienta Esmeraldina.

Marlene Santana, coordenadora de desenvolvimento cultural do projeto, reforça a importância e a necessidade de criação de novos conceitos para as bibliotecas do município. “Iremos reinventar as bibliotecas nesse novo cenário digital, atraindo antigos e novos usuários, a fim de nos tornarmos centro de referência sócio cultural on-line em nossa sociedade”, reforça Marlene.

Atualmente, a Biblioteca Municipal Cândido Acrísio da Costa funciona na rua Vereador Antônio Viana de Araújo, 328, ao lado da Praça Antônio Marques, no horário de 7h às 11h e 13h às 17h. Contando com seis servidores, atende mensalmente cerca de 65 visitantes.

Veja Também

EMPRESÁRIO DE JUAZEIRO SÃO TREINADOS PARA VENDAS DE NATAL

PREPARATÓRIO O Natal se aproxima e com ele uma das principais temporadas do comércio. Com ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *